CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS
  Cidade

Moradores e empresários buscam solução para Avenida Lima e Silva

Por Com informações da Prefeitura e colaboração de Carol Petrin
10/01/2018 14:45
 

Não é de hoje que quem reside ou transita pela Avenidade Lima e Silva enfrenta problemas com a pavimentação. Por isso, no começo da tarde desta quarta-feira, 10 de janeiro, um grupo de cinco pessoas que convivem diariamente com os problemas da avenida esteve reunido com o prefeito Giovani Amestoy, com o Secretário de Obras Paulo Henriques, com a Secretária Geral Cássia Freitas e com o chefe de gabinete Stener Camargo.
"Temos que trabalhar com as portas da loja fechada por causa da poeira. Já nos dias de chuva, os motoristas trafegam pela calçada para desviar os burcaos", afirmou Leonardo Machado Garcia, que trabalha e reside na Avenida Lima e Silva.
"A única manutenção que fazem é patrolar o asfalto. A última vez que fizeram a operação tapa buracos, levaram um retroescavadeira para lá e os buracos foram tapados com terra, o que só aumentou a poeira. É muito difícil conviver com isso diariamente", disse Cecimara Dias.
"Estamos fazendo um movimento com moradores e empresários para que seja tomada alguma providência na Lima e Silva, tendo em vista que ali transita ônibus, transporte de carga, além dos moradores e empresários que tem comércio no local", comentou o ex-vereador Peter Linhares.
O prefeito Giovani Amestoy anunciou que ainda na manhã de quarta-feira, 10 de janeiro, esteve reunido com o Secretário de Obras, Paulo Henriques, com o Secretário de Planejamento, Flavio Monteiro e a Secretária da Fazenda Ioko Mota para abri o processo licitatório para revitalização da Avenida Lima e Silva. "Tentamos recursos através do Governo Federal, Governo do Estado e até mesmo com deputados, porém não conseguimos, por isso, mesmo com as dificuldades financeiras que o município vem enfrentando, nós vamos priorizar a Avenida Lima e Silva e vamos realizar a obra com recurso próprio, pois reconhecemos que o local além do movimento intenso está há muitos anos esquecido", afirmou.
Amestoy destacou ainda que o processo licitatório está em fase inicial, o valor estimado para obra é de R$ 700 mil. "Pelo menos até a Rua do Aterro será refeito o asfalto. Se tudo correr dentro do esperado, a previsão é inicar as obras em 90 dias. Além disso, o município também abriu licitação para aquisição de 40 toneladas de asfalto, para realizar os reparos principalmente nas ruas do centro da cidade", finalizou.


Prefeito anuncia asfalto para Av. Lima Silva como uma das primeiras obras de 2018

O prefeito Giovani Amestoy anunciou nesta quarta-feira (10) que a Av. Lima e Silva, que há decádas sofre com problemas de buracos, deverá ser uma das primeiras grandes obras de 2018.
De acordo com o prefeito, o município abrirá a Licitação em breve:
“Mais de 3 mil pessoas convivem diariamente com a dificuldade de acesso aos bairros da região Sul do município ao se deslocarem ao centro seja a trabalho ou estudos. Aquela obra, por completo, deve beneficiar estas famílias que sonham há anos com mais locomoção e urbanismo naquela região, tão importante quanto outras do município”, frisou Amestoy, que apesar da crise financeira que assola os municípios, o local deve ganhar ainda novo paisagismo.
Em 2016 a Administração municipal anunciou a reforma da Av. Lima Silva, porém foi asfaltado apenas uma quadra, que contempla da rótula da entrada da Av. até o Supermercado Engenho. O projeto prevê que o asfalto contempla toda a extensão que liga os bairros Vila Sul, Promorar, Nossa Senhora de Fátima (Piraju).
Outros trechos ganharão recuperação asfáltica
A Licitação realizada em outubro, que visava a aquisição de de até 42 toneladas de asfalto tipo concreto betuminoso usinado a quente para recuperação asfáltica para outras ruas do município deve ser reaberta também pela Secretaria da Fazenda, nas próximas semanas. A licitação de novembro de 2017 (edital 2643|2017), havia dado deserta e passou por algumas modificações.

Por Com informações da Prefeitura e colaboração de Carol Petrin

Farrapo